Voltar

Temas contemporâneos marcam a Aula Inaugural do Movimento

17/12/2021 - 21:55

A Fundação Ulysses Guimarães realizou na quarta-feira (15), a Aula Inaugural do Movimento – Escola de Líderes da FUG. Foi um debate de alto nível conduzido pelo o ex-senador e presidente do Conselho Editorial da FUG, José Fogaça, como professor palestrante, e como debatedores o deputado estadual Gabriel Souza e o economista Gustavo Grisa. Também participaram da aula o presidente nacional da FUG, deputado federal Alceu Moreira, e o presidente nacional do MDB, deputado federal Baleia Rossi.

Ao abrir presidente da FUG, ao abrir a aula inaugural, listou requisitos de “um líder mdebista: tem que ter muita capacidade de entrega, a consagração da democracia, ter orgulho da representação política, saber o que fazer com as pessoas, e estimular a construção de uma sociedade completa”, disse. “Se o líder não estiver habilitado e orientado, ele chega no governo com a solução do ‘eu’, e a figura do ‘eu’ não existe no Estado, é sempre o ‘nós’, o coletivo”, afirmou Alceu Moreira.

Para ele, o MDB e a FUG devem preparar um líder para que possa servir a sociedade e ser um símbolo de dignidade e solução social. “Se queremos ter um partido com profunda responsabilidade social, as ferramentas que vamos apresentar ter que ser solução. Na política o que mais se critica é a desigualdade, porém o contrário não é igualdade, mas sim igualdade de oportunidades. Nós precisamos habilitar as pessoas para que elas possam consumir e produzir”, observou.

O presidente Baleia Rossi disse que o MDB se sente representado pela FUG nesse Movimento – Escola de Líderes. “Espero que seja a primeira de uma série de atitudes corajosas que a FUG e o MDB, conjuntamente, preparam para a militância”, ressaltou.

“Esse Movimento – Escola de Líderes é o caminho que nós estamos buscando para nos conectar com a nossa militância e preparar os nossos líderes. Esse é o momento de fortalecimento do nosso MDB”, comemorou.

O professor palestrante, José Fogaça, animou os alunos selecionados ao afirmar que eles são “a representação do ideal do Dr. Ulysses, que é a presença do MDB, dos seus ideais em cada pedaço do território nacional”.

Ao iniciar sua aula, ele disse que “uma grande mudança, quase um tsunami silencioso, lento mais seguro e inexorável, que aconteceu no final do século passado no mundo inteiro, mudou o rumo das pessoas, do pensamento político”.

O deputado estadual Gabriel Souza parabenizou a FUG pela promoção do curso de formação de líderes. “A FUG está formando quadros partidários para qualificar a política, que nos dias atuais está impactada com muitas informações. O militante político tem que estar bem informado, qualificado e preparado para o debate, em especial bem posicionado no nosso campo ideológico, que é de centro”, declarou.

Ele chamou a atenção para o fato de que hoje “estamos vivendo um novo momento de questionamento do atual modelo estatal, em especial depois da pandemia. O comportamento humano mudou a relação capital trabalho está mudando, estamos vivendo uma nova fase do capitalismo”.

O economista Gustavo Grisa discorreu, entre outros pontos, sobre questão do centro político . “Quando se fala da agenda de reformas, ela está ligada a coalizões majoritariamente de centro”.

Thatiana Souza – Assessoria de Comunicação FUG nacional

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*