Voltar

Presidente participa de Encontros da Indústria e reforça importância do setor para economia

08/12/2017 - 19:01

Na manhã desta sexta-feira (08) o presidente Michel Temer abriu o 22° Encontro Anual da Indústria Química, em São Paulo. O encontro aconteceu em um momento favorável para o setor, que deve fechar o ano de 2017 com um crescimento de quase R$ 4,5 bilhões, em relação ao ano anterior.

Em seu discurso, o Presidente ressaltou as conquistas de seu governo e reforçou a importância de se investir no setor – que hoje ocupa a oitava posição do ranking mundial de produtores químicos. “Estamos combatendo a recessão com responsabilidade fiscal, social e investimentos em setores que são fundamentais para a nossa economia”, disse ao destacar a responsabilidade destes atos.

As ações para a indústria, bem como outras para a retomada da economia, fazem parte de um conjunto de propostas traçadas no documento “Uma Ponte Para o Futuro”, elaborado pela Fundação Ulysses Guimarães (FUG).

Após o evento, Temer seguiu para mais um compromisso de sua agenda, em que participou do Almoço Anual da Indústria Elétrica e Eletrônica 2017. Durante a cerimônia, anunciou a edição da Medida Provisória que altera a Lei de Informática (Lei nº 8.248/1991). O ato visa estimular a competitividade e à capacitação técnica de empresas brasileiras produtoras de bens de informática, automação e telecomunicações por meio de incentivos fiscais.

Na ocasião, aproveitou para afirmar que o cenário da economia está propício para a reforma previdenciária e para simplificação fiscal.

O evento também contou com a presença de Valéria Lossani, membro da FUG-SP e Washington Maradona, Líder do Núcleo Trabalhista do PMDB.

Uma Ponte para o futuro

O documento Uma Ponte para o Futuro foi desenvolvido pela Fundação Ulysses Guimarães. Em linhas gerais, o programa serviu de base para o governo presidente Michel Temer e apresenta propostas para a economia, a composição da base do governo, transparência nos órgãos federais, a Previdência, entre outros temas.

Leia o documento na íntegra: http://bit.ly/2A2QoM2

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*