Voltar

Painel discute a importância das redes sociais na política

15/08/2019 - 14:08

     O debate sobre redes sociais e as eleições foi um dos principais painéis desta quinta-feira no evento Mulher Política e Cidadania. O publicitário e especialista em marketing político Marcos Martinelli apresentou aos participantes o cenário atual da política frente às novas mídias e redes sociais.

O especialista fez um apanhado sobre a velocidade da evolução nos sistemas de comunicação, que nas últimas décadas sofreram transformações sensíveis. “Estamos na era digital, que nem sempre compreendemos, estamos nos adaptando, já que mudou a forma de produção da informação”. Para ele, essas tecnologias criam mudanças na representação, as instituições são questionadas e é fomentada a necessidade de representatividade direta.

Apesar da complexidade do cenário, Martinelli afirmou que valores humanos e políticos ainda são diferenciais importantes, tais como a verdade, a necessidade de compreender a motivação dos públicos a quem se fala e a identificação com causas.

A comunicação tradicional, vertical, ainda seria importante, sobretudo nas camadas mais desfavorecida da sociedade, mas o novo modelo de comunicação, horizontal, segmentada para nichos específicos e centrado na internet é o que mais cresce e influencia os rumos da política, tal como pôde ser visto nas últimas eleições presidenciais no Brasil.

“Em 2010, as eleições foram pautadas pelo sonho, pela esperança. Já em 2018, a indignação foi a grande motivação. E para 2020, qual será?”, provocou o publicitário. Em resposta, ele afirmou que um característica atual que os candidatos precisam compreender é que houve um dilatamento do período da campanha. As pré-campanhas agora terão que ser maiores, até para que os eleitores entendam quem são os candidatos, o que pensam, suas causas e bandeiras, o que mídia tradicional não possibilita. “As pessoas precisam se sentir ouvidas e o discurso tem que ser relevante, ter brilho. Político com mandato ou não precisa saber que ouvir é a questão da comunicação horizontal”.

     Case de sucesso – A Deputada Estadual Janaína Riva (MDB-MT), trouxe sua experiência na gestão redes sociais para diálogo com sua base de eleitores. Ela pontuou que essas ferramentas estão acessíveis as mulheres que querem espaço na política sem altos custos e deu suas dicas: “assunto polêmico tem que ser tratado; você pode usar a redes para também apresentar a sua vida, como pessoa comum; pautas como utilidade pública e causas também aumentam o engajamento dos seguidores”.

A deputada incentivou às participantes a ocuparem espaços nas redes, por serem ferramentas acessíveis, sem altos custos e com retorno, além disso, deu dicas: “assunto polêmico tem que ser tratado, os eleitores querem conhecer nossos posicionamentos; você pode usar a redes para também apresentar a sua vida, como pessoa comum e o político é uma pessoa comum; tratem de assuntos de utilidade pública, tragam serviços para os seguidores. Além disso, usem as redes para apresentarem suas causas, assim vocês podem ser conhecidas pelos seus seguidores”.

Acesse aqui a apresentação do Marcos Martinelli.

ASCOM FUG Nacional e MDB Mulher

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*