Voltar

Novos membros são eleitos para compor Conselhos da FUG

03/10/2017 - 19:40

Na última terça-feira (03/10), foi eleita nova formação dos Conselhos Curador e Fiscal da Fundação Ulysses Guimarães. Também ficou decidido que novos diretores irão assumir nove filiais estaduais da Fundação: Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rio de Janeiro e Tocantins.
Além dos presidentes, os Conselhos são compostos por outros conselheiros que ocupam cargos de membros titulares, direção e suplência. Os mandatos já estão em vigência e se estendem até o ano 2019.
A reunião aconteceu na sede da FUG Nacional e contou com a presença da promotora Fabiana de Assis, da Promotoria de Justiça de Tutela das Fundações e Entidades de Interesse Social (PJFeis), do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT).
Confira abaixo a nova composição dos conselhos da FUG.
Conselho Curador
Presidente: Romero Jucá (RR)
Vice-presidente: Esacheu Nascimento (MS)
Membros Titulares: Valdir Raupp (RO), Evandro Mesquita (SP), Carlos Eduardo Fioravanti Costa (RJ), Fátima Pelaes (AP), Regina Perondi (RS), Josi Nunes (TO), Tetê Bezerra (MT), Gleire Belchior de Aguiar Bezerra (RN), Wolney de Siqueira (GO), Genebaldo de Souza Correia (BA), Gilberto Júnior de Loyola (DF), Clair Cláudio (RR) e Gabriel Souza (RS).
Suplentes: Daniel Vilela (GO), Tadeu Filipelli (DF), Carlos Alberto Muniz (RJ), Maria Aparecida Andrade Moura (MG), Luciano Salgado (ES).
Conselho Fiscal
Presidente: Henrique Pires (PI)
Vice-presidente: João Alberto Machado Cardoso (RS)
Diretor: Colbert Martins (BA)
Suplentes: Rafael Xavier Schuartz (PR) e Ricardo Santa Rita (AL).

De acordo com o vice-presidente do Conselho Curador, a nova equipe dará continuidade aos programas que a FUG vem realizando pelo Brasil e também discutirá temas de interesse da militância fuguiana. “O desenvolvimento do Brasil, sob os aspectos sociais, econômicos e político será o cerne de nosso debate”, ressalta.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*