Voltar

Governadores Mdebistas querem estados e municípios na Reforma da Previdência

06/06/2019 - 18:32

Em reunião realizada entre a Bancada de Deputados Federais e os Governadores do MDB ficou decidido que o partido entrará em campo para garantir a inclusão de Estados e Municípios na Reforma da Previdência. Estiveram presentes no encontro nesta quarta-feira (05) os governadores de Alagoas e do Pará, Renan Filho (AL), e Helder Barbalho (PA), e o presidente do MDB, Romero Jucá.

O debate foi conduzido pelo líder do Partido na Câmara, deputado Baleia Rossi (SP). “Nós temos o compromisso de votar uma Reforma robusta e não uma meia reforma. Nós não podemos ser irresponsáveis. O parlamento e o MDB estão preocupados com o futuro do País”, disse.

Para o governador Helder Barbalho, o “termômetro da bancada é o do plenário. Se virarmos voto aqui, viramos lá”. Ele também ponderou para que os governadores “mostrem a cara” em prol da reforma. “Os governadores deveriam fazer o ‘dever de casa’, e criar condições políticas para que suas bancadas apoiem a reforma da previdência. Nós sabemos que a reforma é impopular, mas nossos deputados precisam ter o ‘conforto’ e o apoio dos estados para aprovarem”, argumentou.

O governador Renan Filho disse que o déficit previdenciário dos Estados em dez anos ultrapassa R$ 800 bilhões. “No futuro, não distante de nós, os prefeitos terão mais dificuldades que os governadores. O Brasil não pode ter cinco mil sistemas de previdência diferentes”, ponderou.

O presidente do MDB, Romero Jucá, lembrou que a Bancada do MDB já se reuniu com o relator da proposta na Comissão Especial, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), para buscar uma solução e avançar na questão dos estados e municípios. “Nosso desafio é equacionar essa questão para não comprometer os orçamentos dos estados e municípios”.

Na reunião, Baleia defendeu que o relator da Reforma, aguarde até a próxima terça-feira (11) para apresentar seu parecer. “Se nós vamos ter na terça-feira uma reunião com todos os nossos governadores aqui, acho que o Parlamento deveria aguardar para ter uma conversa madura com todos os governadores”, afirmou.

Técnicos

A Fundação Ulysses Guimarães e a Liderança do MDB na Câmara promoveram no dia 29 de maio, na sede nacional do Partido em Brasília, um debate sobre a Reforma da Previdência, com a presença do ex-ministro da Previdência, Roberto Brant, e do economista José Márcio Camargo. “Sabemos que é uma pauta difícil, que une os estados, mas divide a sociedade. Porém, temos visto que a mesma está se conscientizando da importância da proposta”, disse o líder no encontro.

A FUG e a Bancada ainda irão realizar mais dois seminários temáticos: Reforma Tributária e Social x Segurança, respectivamente. O segundo debate temático acontecerá no dia 26 de junho sobre a Reforma Tributária.

 

Thatiana Souza – Assessoria de Comunicação da Fundação Ulysses Guimarães

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*