Voltar

FUG e MDB têm palestras sobre Empreendedorismo Motivacional e Ações Do Governo Federal

12/04/2018 - 11:22

Brasília (DF) – Os colaboradores da FUG Nacional e do MDB assistiram nesta quarta-feira (11) duas importantes palestras para o exercício de suas atividades. O secretário de gestão da Fundação, Chico Donato, apresentou um amplo relato sobre as realizações do governo do presidente Michel Temer, em nível nacional e nos estados. E o professor Joel Maciel, do Instituto Inovação, falou sobre Empreendedorismo Motivacional.

De acordo com Chico Donato, estas palestras serão levadas também às filiais da FUG, em todo o país. O cronograma dos eventos está sendo elaborado e em breve as palestras serão apresentadas.

O professor Joel Maciel falou sobre a evolução dos negócios e a reações do meio empresarial aos desafios do setor. O momento atual é de inovação e o mercado altera a cada 10 anos, em média. “O mundo que conhecemos hoje será muito diferente daqui a alguns anos, estamos em processo de ruptura”, disse.

De acordo com o professor, o Brasil ainda investe pouco em inovação, apenas 3% do faturamento das empresas. Por isso o país ocupa o 69º lugar no ranking mundial. As empresas que investem pouco ficam estabilizadas, enquanto as que investem acima de 5% crescem entre 20% e 24%, segundo dados divulgados no Valor Econômico.

O motivo do Brasil investir pouco em inovação é o desconhecimento empresarial sobre as tecnológicas disruptivas. Segundo Joel Maciel, as cidades que estão apostando nessa ruptura são Florianópolis, Recife, São José dos Campos e Santa Clara do Sul.

“O importante para o futuro é a criatividade e a inovação. Quem for criativo não ficará desempregado, é uma condição indispensável para a sobrevivência”, afirmou o professor. Segundo ele, a concorrência de um grande negócio não vem mais apenas de outro grande investidor, mas pode ser de dois garotos com um computador. Negócios como Uber e Facebook começaram assim. “Cada vez mais teremos jovens inovando”, afirmou.

Joel Maciel afirmou ainda que é preciso ser cada vez mais criativo. Estar atento às possibilidades de se criar aplicativos, startups, e reagir às crises. “As chances de sucesso aumentam exponencialmente”, garantiu.

Matéria originalmente publicada no Blog da Formação Política, no dia 12 de abril de 2018.

Link da matéria: https://goo.gl/wEC3D5

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*