Voltar

Filiais da FUG destacam seus trabalhos estaduais

08/10/2021 - 07:00

No primeiro dia (05/10) do Encontro Nacional da FUG, que reuniu em Brasília, todos os presidentes das filiais da instituição e funcionários, todos tiveram a oportunidade de falar sobre os seus estados, seus desafios, suas propostas e sua pauta de trabalho. A ordem seguiu um sorteio realizado na hora.

O Ceará estava representado pelo seu presidente Cassimiro Neto, pelo seu vice Roberto Wagner e pelo funcionário Eron Narciso. Para os dirigentes, a FUG tem feito um diferencial no estado ao levar formação para militância e eles acreditam que a instituição tem muito a contribuir com a construção de um programa robusto de governo.

A deputada Tete Bezerra, que preside a FUG-MT, falou que “a democracia hoje está consolidada, mas que o MDB tem o dever histórico de defender e buscar avanços nas conquistas sociais”.

O Rio de Janeiro foi representando pelo funcionário Fagner Guimarães que apresentou os cursos e as palestras virtuais que foram realizadas em parceria com os núcleos do partido no estado.

O trabalho realizado no estado do Tocantins foi apresentado pelo funcionário Aeronssaytt Gomes.

O ex-governador do Distrito Federal, Tadeu Filippelli, e presidente da filial, afirmou que a Fundação tem a obrigação de prestar sempre um bom serviço e que a Instituição no DF precisa retomar os contatos que já tiveram com as universidades e faculdades.

O presidente da FUG-GO, Enio Salviano, falou sobre a formação de novos quadros por meio da capacitação de novos líderes para ingressarem no partido. A funcionária Bete Costa fez una apresentação das parcerias firmadas no estado para realização dos encontros.

O presidente da FUG-ES, Jeziel Buecker, e o mediador Lucas Salles, afirmaram que a fundação chega mais próximo da sociedade, pois ela vai para as ruas conversar com as pessoas.

O diretor da FUG-AL, Sabino Fidelis, falou representando o presidente. E afirmou que no estado estão trabalhando para realizar o seminário “Alagoas hoje e amanhã: o que fizemos e o que vamos fazer”.

A busca por novos quadros e lideranças políticas tem sido uma das missões da FUG-AM, conforme informou o presidente Miguel Capobiango.

Em Santa Catarina, a vereadora Flávia Vicente, que também é colaboradora, falou sobre os planos da Fundação no estado que é promover o debate para construção do plano de governo dos candidatos ao governo. Elencou uma série de encontros que estão realizando.

O funcionário Maurício Fontes, do Pará, fez uma retrospectiva das agendas de trabalho que foram realizadas e as agendas futuras marcadas em parceria com o terceiro setor.

Pela Paraíba, o deputado estadual Raniery Paulino e o funcionário Danilo Ribeiro, destacaram o importante papel do mediador como para levar os cursos da FUG. O deputado que é defensor das causas da pessoa com deficiência, sugeriu que  FUG adaptasse seus conteúdos para atender este público, além da criação do núcleo da Pessoa com Deficiência.

Pelo Piauí, o presidente da filial, o ex-ministro João Henrique Sousa e o funcionário Pablo, elencaram os projetos futuros de capacitação dos quadros políticos do MDB.

O recém empossado para presidir a FUG-MA, Jones Braga, afirmou que vai trabalhar novas agendas e o planejamentos dos cursos.

A Maria Emília Sulzer, presidente da FUG-MS, ressaltou o importante papel da FUG em abrir portas pois, segunda ela, a FUG chega aonde o partido não chega. Ela também destacou a FUG-MS conseguiu inserir na grade curricular de ensino estadual o diploma dos cursos da FUG com validade em atividades extracurriculares para faculdades e universidades, além disso os diplomas também valem para pontos extras em concursos públicos.

O presidente da FUG-PR, Zeca Melo, fez um apanhado de todas as realizações já executadas pela FUG no estado e falou dos eventos futuros.

O professor Goerge Lall, presidente da FUG-RN, destacou o curso de Mídias Sociais que a Fundação estadual realizou e das ações que estão levando aos municípios para escutar os que eles tem a falar. E comentou do desejo da FUG promover cursos de pós-graduação para os filiados.

Uma das mais novas diretorias empossadas, a FUG-SP, foi representada pelo seu diretor Peterson e pela funcionária Valéria Lossani. O presidente da FUG no estado, senador Giordano enviou uma apresentação tendo como destaque o saneamento básico, como forma de dignidade humana.

A FUG-Acre fez uma abordagem do atual panorama no estado por meio da funcionária Wellayne.

O presidente Pedro Beber, da FUG-RO, disse que no estado estão buscando fazer uma trabalho de mobilização para encontrar novos líderes e formar novos quadros mdebistas.

A FUG-RS estava representada pelo seu presidente Guto Scherer e pelo funcionário Gabriel Passos. Eles apresentaram toda a construção que está sendo feita no estado, como vistas a promover os debates de construção de ideias por meio do ‘Caminhos do Rio Grande’ e abordaram sobre os roteiros e cursos que estão promovendo com  a militância.

Rio Claro/SP, terra natal de Ulysses Guimarães, há uma sede municipal da FUG, que faz a curadoria do acervo do patrono da Fundação. O presidente Bruno Oliveira e a diretora Silvia Venturoli falaram os trabalho realizado.

E, o último estado a falar, foi Pernambuco. Presente, o secretário municipal de segurança e presidente da FUG-PE, Murilo Cavalcanti, falou da concepção e do modelo de gestão da Rede dos Centros Comunitários da Paz (Compaz) Recife, equipamentos voltados para a promoção da cidadania, educação, cultura de paz e não violência.

Thatiana Souza – Assessoria de Comunicação FUG nacional

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*