Voltar

Encontro Nacional da FUG reúne filiais para comemorar 10 anos de EAD

19/12/2017 - 16:41

“A força intelectual e inovadora do PMDB está na Fundação Ulysses Guimarães.” Assim definiu o presidente da República, Michel Temer, sobre o trabalho realizado pela Fundação, na última segunda-feira (18), em Brasília, no Encontro Nacional da FUG, que também comemorava os 10 anos do EAD.

Filiais de todos os estados desembarcaram na capital federal para debater os rumos da fundação em 2018 e, também, para celebrar os 10 anos do programa de Ensino à Distância EAD. O presidente da FUG, Moreira Franco, lembrou que todos os filiados, mediadores e facilitadores são responsáveis pelo sucesso do EAD. “Quando estamos mobilizados, convocados, unidos e trabalhando em algo que acreditamos é absolutamente necessário que nós celebremos o sucesso”, enfatizou Moreira.

O presidente da República, Michel Temer, fez questão de participar do encontro, e foi homenageado com a medalha comemorativa de 10 anos do EAD, recebida das mãos de Moreira Franco. Além de Temer, muitos outros nomes da Fundação e do PMDB foram homenageados. O Ministro da Casa-Civil, Eliseu Padilha, foi um deles. Criador e incentivador do programa de Educação à Distância da FUG, Padilha recebeu homenagens de todos os presentes. Para ele, chegar à marca de 10 anos do EAD foi uma das principais conquistas de sua carreira política.  “Ver o curso de Formação Política da Fundação presente em todas as unidades da federação é motivo de grande orgulho para todos nós”, destacou.

Além das homenagens, o Encontro também contou com uma tarde de palestras que trabalhou temas como Compliance, Terceiro Setor, Mobilização Virtual, entre outros.

Destaque do evento, o coral da filial de Sergipe estava representado com quatro de seus componentes. O grupo finalizou o encontro dando uma amostra do trabalho que realiza em escolas, asilos e presídios do estado.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*