Voltar

Comprometimento e responsabilidade marcaram os debates técnicos no Encontro Nacional

08/10/2021 - 07:46

Os presidentes e colaboradores tiveram a oportunidade de conhecer e debater sobre as questões mais técnicas e administrativas do dia a dia da FUG.

O gerente de Gestão Nacional, Guto Scherer, abordou sobre os seis meses de gestão da nova FUG e sobre o Plano de Ações 2022. “A FUG é parte do partido, assim como os núcleos, nós somos o MDB. Nestes seis meses trabalhamos para entregar o posicionamento, o legado e a esperança de uma discussão politico – programática para o MDB”, disse.

Ele abordou sobre a responsabilidade com os gastos do dinheiro público que é o orçamento da Fundação, sobre o plano de cargos e salários, sobre a inovação com a inserção de duas plataformas 1 Doc e Essent Jus, e sobre todos os projetos que já foram ou estão sendo executados na nova gestão, como o Brasil precisa pensar o Brasil, Todos por um só Brasil, a parceria com Todos pela Educação, o Planejamento Estratégico, a Acervo Digital, a Construção dos Planos de Governo.

Jurídico – O dr. Beto Bahia, gerente jurídico da FUG, falou das questões legais e da conduta da FUG. Também elencou alguns pontos da reformulação do estatuto e do regimento interno da FUG.

Administrativo – Patrícia Souza, gerente administrativo, observou sobre a conduta do dia a dia e da necessidade do uso da Plataforma 1 Doc para melhorar o fluxo de trabalho entre a nacional e as filiais. Hoje, o sistema facilita essa integração por meio de formulários de solicitações como férias, contratações e demissões, licenças, auxílios e outros.

Financeiro – O gerente financeiro da FUG, Fabrício Renner, frisou muito a questão da organização e dos compromisso com o gasto público, una vez que a FUG recebe orçamento do Fundo Partidário. “Essa é uma responsabilidade de todos que lidam com o dinheiro da sociedade. Precisamos entregar o melhor serviço, pelo menor preço e com responsabilidade”, argumentou.

Núcleos e MDB – O gerente de relacionamento com base partidária, Ivan Maurina, disse da necessidade da interação entre FUG e MDB. “Somos um corpo apenas, e a FUG é membro deste corpo chamado MDB”, falou. Precisamos trabalhar para trazer novos quadros e promover uma discussão de qualidade e conteúdo.

Comunicação – A comunicação da FUG é organizada pela dupla Thatiana Souza (gerente) e Sâmia Collodetti (supervisora), que abordaram um ponto importante e fundamental hoje na comunicação: a interação. Intitulada como “A comunicação uma ação de todos”, elas frisaram a importância das redes sociais, o engajamento e a interação entre os estados.

Thatiana Souza – Assessoria de Comunicação FUG nacional

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*