Voltar

Reformas e popularidade

21414671_1623652947679890_9119537145504144948_o
04/09/2017 - 12:48

O presidente Michel Temer assumiu o País durante a pior crise econômica da história, mas fundamentado no projeto Uma Ponte Para o Futuro, reverteu este quadro e vem entregando resultados urgentes à população. O aumento de empregos, a reforma trabalhista, o crescimento do PIB, a baixa da inflação e as concessões que trarão modernização para o Estado são só alguns desses efeitos.

 

Denis Lerrer Rosenfield
Jornal O Globo

A grande vantagem dos governos populistas, como os que presidiram o país nos últimos anos, consiste no exercício ideológico da irresponsabilidade. Os recursos públicos foram simplesmente vilipendiados, quando não tratados como cosa nostra, sendo o mensalão e o petrolão os seus melhores exemplos.

Contudo, enquanto a farra imperava, houve inegáveis ganhos de popularidade política. Em seu corte esquerdista, estes governos caracterizavam-se pela dita afirmação dos direitos, como se os deveres não fizessem parte da cidadania.

Observávamos — e observamos — corporações e sindicatos assim cooptados tomarem para si uma parcela cada vez maior dos recursos públicos. Os gastos tornaram-se cada vez maiores, sem as correspondentes receitas. Chega um dia em que a conta deverá ser paga. E ela chegou!

Leia: glo.bo/2xIZfS1

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.



Deixe um comentário

O seu e-mail nunca vai ser publicado. Campos obrigatórios *

*
*